terça-feira, 25 de julho de 2017

Botando a cabeça para funcionar nº 19




Velho Coqueiro

Coqueiro amigo que ficou torto
Pela ação do tempo e do vento
Sombra sempre há de nos dar
Acolhendo-nos a todo momento.

Abriga a criança
O jovem e o idoso também
No balançar das suas folhas
Dorme tranquilo o neném.

Enquanto papai e mamãe
Aproveitam para uns carinhos trocar
À sombra do velho coqueiro
Tendo como testemunha o mar.



segunda-feira, 17 de julho de 2017

A Flor

Poema inspirado na imagem proposta no blogspot Chica escreve por aí, na semana 05 de junho deste ano e esta foi minha participação:


A Flor

Bela flor no tronco a esperar
Um apaixonado vir pegá-la
Para a amada presentear
Revelando a pureza de seu amor.


terça-feira, 11 de julho de 2017

Mimo da amiga Diná

Estou maravilhada com esse mimo, o qual fala tão bem de mim, do meu eu poético. Estou tão feliz e emocionada que me falta as palavras para agradecer esse presente tão lindo,com palavras tão profundas e elogiosas. Obrigada amiga por esse carinho, esse afeto que, também, é retribuído. Beijos emocionadíssimos!